Uma Paixão de Danielle Steel 
Título Original: Heartbeat
ISBN: 9789722517768
Edição ou reimpressão: 07-2008
Editor: 11 X 17
Páginas: 400
Género: Romance Contemporâneo
Compre na 
Wook
Bertrand
Goodreads: 3,79✮ (aqui)

Sinopse

Devido a uma fulgurante carreira, Bill Thipen não se apercebeu de que o seu casamento estava à beira da ruptura. Agora, nove anos depois, tem uma vida equilibrada mas solitária. Adrian Townsend pensava que tinha tudo: um trabalho de que gostava e um marido atraente. Era o Sonho Americano, até que ficou grávida.

Subitamente, o seu mundo desmorona-se e transforma-se num caos. Bill e Adrian encontram-se casualmente e percebem que ambos desejavam algo mais da vida. Duas pessoas sensíveis e os obstáculos que terão de ultrapassar à medida que a sua amizade se vai transformando em amor.

Críticas de Imprensa

«Os romances de Danielle Steel narram as coisas da vida. É impossível saltar uma página, acontece alguma coisa a cada vírgula. Suspense, angústia e lantejoulas alternam com o desespero e o conto de fadas.»
L’Événement du Jeudi

A Minha Opinião

Este foi a minha companhia de comboio desde Dezembro, e com as férias de natal e os exames, só em fevereiro quando regressei à faculdade, voltei a pegar nele.

Sempre com histórias reais, neste livro entramos no mundo de Hollywood. De um lado temos Adrian, diretora de jornal e considera que a sua vida é perfeita. Um trabalho que gosta e recebe bem, um casamento perfeito, o que poderia querer mais? Na realidade nada, mas quando engravida do marido, o mundo perfeito começa a desmoronar, porque este não quer ter filhos.

Do outro lado temos um argumentista de uma série famosa que é gravada em direto, Bill. Divorciado, e a viver longe dos filhos, Bill refugia-se no trabalho e em relações efémeras. Nenhuma mulher lhe desperta o interesse, até quase atropelar Adrian no supermercado, só que ela é casada.

Como em todos os seus livros, a autora, trás-nos personagens reais nos seus medos e nas suas ambições, mas desta vez não me conquistou tanto. Se por um lado, o Bill me arrebatou pela simplicidade e descontração, focado na família e no que ela representa para ele, no caso dos filhos, do outro a Adrian não me agradou tanto. Por mais que compreenda o lado dela, acaba por ser muito ingénua, com fé no marido, que não vale nada, a única coisa que vale nele é o Porsche que conduz.

Quem costuma acompanhar as minhas opiniões, já deve ter percebido que não gosto de descrições nem da falta delas quando são necessárias, e este peca pela primeira. Foca-se tanto tempo no drama que a Adrian está viver, que depois desenrola tudo muito depressa, e acaba quando eu estava realmente a entrar na história, e tive pena por isso.

Estive muito indecisa quanto à classificação a dar, porque eu tinha expectativas, mas o facto de nas últimas 200/150 páginas me ter agarrado e finalmente me ter feito entrar na história, eu resolvi dar 3 estrelas.

Não quer dizer que eu não recomende o livro, a história é bonita, mas com demasiado drama para mim. Eu gosto de histórias com q.b. de drama, mas quando vou ler um romance espero ver mais romance, e não só a partir de metade do livro.

Mas em suma, para quem gosta de drama, acho que vai gostar deste livro, porque um homem que não aceita a mulher grávida dele, e quer que ela aborte e esta não quer, acreditem que dá muito drama.

Classificação

Rating: 3 out of 5.

Outras Edições pelo Mundo Fora

Opinião Sobre Outros Livros da Autora

Nota: Ao clicar nesta imagem será dirigido para as diversas opiniões de outros livros da autora. Estará sempre atualizado, fazendo com que possa haver mais livros do que os que aparecem na imagem.

P.S: Este post contém links de afiliados. Para saber mais sobre clique aqui.

Please follow and like us:

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial