Antes de mais, deixem-me dizer que eu até sou fã da Cristina, ainda à dias defendi. Acredito no esforço e trabalho dela, mas neste livro foi um tiro completamente ao lado.

Sinceramente a capa promete mais do que aquilo que pode oferecer. O livro mais parece uma revista de moda da Cristina porque tem mais fotos dela do que receitas. Enjoa ver tantas vezes a cara dela. Como o livro está dividido em temas, como romântica ou atrevida (entre outros), cada um é acompanhado por uma sessão fotográfica, na minha opinião exagerada.

Além disso pensava que ia ter mais receitas de doces, afinal os cupcakes na capa têm bom aspecto, mas vi-me negra para os encontrar no livro, e o mesmo para o bolo… Ultimamente no programa, eu não vejo, mas vou vendo nas redes sociais, ela tem levado receitas da mãe, se neste livro tivessem sido essas receitas, ou até receitas da própria de certeza que seria melhor.

Ainda bem que eu não gastei dinheiro nele, porque o trouxe da biblioteca, porque senão já estava a vendê-lo. 

Resolvi procurar no livro uma receita para testar e ver se é boa ou não. Eu considero os livros de culinária, na sua essência para pessoas que não tenham tanta prática a cozinhar, principalmente estes mais generalistas, e de figuras públicas, que não são cozinheiros profissionais. Daí, eu uma quase naba na cozinha conseguiria recriar a receita, à partida.

Mas logo na escolha da receita foi uma complicação, eu sou esquisita na comida, e queria fazer algo que eu ou alguém aqui em casa comesse, não do género só para o blogue, mas foi tão difícil encontrar alguma coisa de jeito neste livro, no meio de tanta fotografia foi uma tarefa árdua, mas acabei por escolher as Mini Árvores de Natal, que não foram árvores, porque primeiro eu não tenho as formas, e segundo não é natal, vou ver uns queques/bolinhos de chocolate, e terceiro a coisa não correu como seria de esperar, mas o que conta é a intenção

Compre o livro

Wook

Bertrand

Sobre o Livro

Saboreie este delicioso livro e deixe-se guiar pela Cristina Ferreira numa original viagem culinária. Para petiscar com os amigos pode experimentar uma ATREVIDA frigideira de batata com morcela. Para um jantar ELEGANTE nada melhor do que um filete de Linguado com amêndoa. E que tal umas DIVERTIDAS tiras de peru crocantes para uma refeição ligeira? Se quer surpreender num momento a dois, arrisque um SENSUAL linguini negro com camarões. Se o objectivo é agradar à família, escolha uma receita CRIATIVA como franguinho recheado com alheira. Para adoçar a boca, não há guloseima mais ROMÂNTICA do que cupcakes com doce de leite. Mas são igualmente irresistíveis todas as outras receitas GULOSAS.

Vamos lá então à receita… 

Ingredientes

*200 gr de chocolate de barra

* 125 gr de margarina

* 125 gr de açúcar

* 4 ovos

* 100 gr de farinha

* 1 colher (chá) de fermento em pó

* margarina para untar

* farinha para polvilhar

Preparação

Ligue o forno a 180ºC.

Unte pequenas formas de árvores com margarina e polvilhe com farinha. 

Parta o chocolate em pedaços para uma tigela e leve-o a derreter em banho-maria ou no microondas. Depois de derretido, retire-o do banho-maria e junte-o à margarina e mexa bem. 

Separe as gemas das claras, bata as últimas em castelo firme e reserve. Numa tigela misture as gemas com açúcar e bata até duplicar o volume. Adicione a farinha com o fermento e misture bem. Por último, acrescente as claras em castelo e envolva delicadamente.

Divida a massa pelas formas sem encher demasiado leve ao forno durante 15 minutos. Verifique a cozedura com um palito, retire do forno e deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.

Classificação do Livro

Classificação da Receita

Como podem ver, entre os dois o pior. 


Então, mas Liliana, porque trouxeste aqui para o blogue uma receita que não gostaste? 

Bem, porque, antes de tudo eu não sou exemplo para ninguém quanto a gostos culinários, sou, como se diz vulgarmente, um pisco a comer e esquisita como tudo, não gosto de nada. E segundo porque isto não é só sobre o que corre bem. 

Inicialmente era para ser um post de sugestão de doce para fazer para o dia da mãe retirada do livro da Cristina Ferreira, como foi um fiasco, achei melhor escolher outra altura para a colocar, não me pareceu adequado sugerir algo a que dei a misera 1 estrela. Todavia achei que devia trazer a opinião, tanto do livro, e consequentemente da receita, mesmo eu não tendo gostado, porque acima isto era um teste. 

Vocês já devem estar a pensar: “fez alguma coisa mal”. Como eu disse em cima, eu não sou nenhum chefe Avillez, por isso costumo seguir as receitas à risca, aqui apenas não usei as formas de árvore de natal. E não me venham dizer que isso altera o sabor, porque não altera, possivelmente deveria usar outro chocolate, mais doce… não sei. Mas não se estragou, comeu-se na mesma, mas deixou bastante a desejar. 

Costumam “ler” livros de culinária?

Boas leituras, e até ao próximo post!


P.S: Este post contém links de afiliados. Para saber mais sobre clique aqui.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial