Conta-me o teu segredo

de Dorothy Koomson 

Título Original: Tell Me Your Secret

Ano: 10-2019

Editor: Porto Editora

Páginas: 432

Género: Policial e Thriller

Compre

Wook

Bertrand

Goodreads: 4,28✯ (aqui)

Sinopse

Pieta tem um segredo.

Há 10 anos, Pieta foi raptada por um homem que se autointitulava “O Assassino da Venda”, e que prometeu não a matar se mantivesse os olhos fechados por 48 horas. Pieta nunca contou a ninguém o que lhe aconteceu, decidindo seguir com a sua vida como se nada se tivesse passado. Mas quando “O Assassino da Venda” começa a perseguir as vítimas sobreviventes, Pieta percebe que terá de revelar o seu segredo para salvar a própria vida…

Jody tem um segredo

Há 15 anos, Jody, polícia, cometeu um erro terrível que permitiu que o criminoso em série conhecido como “O Assassino da Venda” escapasse em liberdade. Ao descobrir que a jornalista Pieta sobreviveu a um ataque desse mesmo homem, Jody percebe que talvez tenha encontrado uma forma de o apanhar. Mas essa decisão poderá colocar a vida de duas pessoas inocentes em risco…

Pieta e Jody mantiveram o silêncio para se protegerem. Se o revelarem agora, estarão a salvar ou a sacrificar alguém?

O novo e emocionante thriller da autora de a filha da minha melhor amiga

A Minha Opinião

Eu comecei a ler este livro devido a um projeto no instagram intitulado de “Choose for Me”, que consiste em pares aleatórios em que cada pessoa escolhe o livro que a outra vai ler naquele mês. O meu par foi a @Booksofbela, que escolheu este, enquanto eu escolhi para ela ler o livro “A Rapariga no gelo” do Robert Bryndza, que eu adorei. Além disso, na última quinzena do mês de abril participei no evento do momento no bookstagram, o Magalipamania, criado pela Manganet e pela FilipaBooks, que ajudou a que lê-se este livro muito mais depressa do que seria normal.

Neste livro a autora, como sempre, trás-nos mulheres negras, uma delas, Pieta, que é jornalista numa revista de moda em Brighton, que vive na sua vidinha com o seu filhote, mas que esconde um grande segredo, foi raptada pelo “O Assassino da Venda”, ou seja, durante o fim de semana foi violentada das mais diversas maneiras e teve de estar com os olhos fechados o tempo todo. Pieta esconde esta parte da sua vida num lugar recôndito do seu passado. Todavia uma vitima do assassino resolve contar a história aos jornais, e o passado de Pieta regressa.

Além de Pieta temos também Jody, uma inspetora que tem como objetivo matar o “O Assassino da Venda”, pois também o seu passado está longe de ser perfeito, pois teve a oportunidade de evitar que muitas mulheres sofressem. E quando o homem regressa e desta vez para matar sem dó nem piedade, Jody não poupa esforços para o apanhar.

Eu já leio Dorothy Koomson à muitos anos, foi das primeiras autoras que li, ainda andava no secundário, e há uma clara transformação da forma de escrita e principalmente do tipo de enredo dos livros da autora. Dizer que este livro é da autora de “A Filha da Minha Melhor Amiga” é só uma forma de a ligar a um livro, porque não há qualquer semelhança na história. Só há uma coisa que não muda, os finais, nunca gostei dos finais dos livros dela, acho que ficam sempre aquém, eu preciso de mais, de saber o que acontece a seguir, e não acabar por aqui.

Brighton, Inglaterra

Pela primeira vez, que eu saiba, temos uma investigação policial num dos seus livros, e principalmente na ótica da inspetora. É algo que eu estou habituada a ler, mas neste livro, não é apenas a inspetora, é também a Pieta. Basicamente estamos na mente das duas, pois a escrita é na primeira pessoa, e entramos nas personagens.

Não concordo com tudo o que elas fizeram, mas compreendo, e isso fez com que eu criasse uma ligação com as personagens. Depois há também o filho da Pieta, que diz que as gaivotas querem dominar o mundo, não podia concordar mais com ele, aqueles seres são do mal!!

Depois de uma pessoa ler meia dúzia de thrillers é cada vez mais difícil surpreendermos-nos, mas este livro conseguiu fazê-lo comigo. Eu nunca esperaria um desenvolvimento daqueles, tinha várias teorias, mas nenhuma que chegasse perto daquele desfecho.

Mesmo assim não dei as 5 estrelas, apenas porque no inicio foi difícil agarrar-me ao livro, era muita “palha” e não acontecia nada, mas a partir de um certo momento, não consegui parar e li quase metade do livro de uma vez.

Em suma, recomendo este livro para quem gosta de thrillers. Dorothy consegue cativar-nos até à última página, sempre com a esperança que algo mais possa acontecer, sem dúvida que é um livro a não perder da autora. 



Classificação

Leitura com Apoio


Edições Pelo Mundo Fora


Opiniões de Outros Livros da Autora


Nota: Ao clicar nesta imagem será dirigido para as diversas opiniões de outros livros da séries. Estará sempre atualizado, fazendo com que possa haver mais livros do que os que aparecem na imagem.



P.S: Este post contém links de afiliados. Para saber mais sobre clique aqui.

Please follow and like us:

1 Comment

  1. Olá, Liliana!
    Concordo contigo na tua opinião. Apesar de gostar muito da autora, pois já li outros livros dela, este novo livro e com um novo género, não foi o "must" que estava à espera. Estava à espera de um pouco mais, apesar de ter gostado deste.
    Um beijinho querida 😉

    http://tudosoblinhas.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial