Um Amor Perdido

de Alyson Richman 

Título Original: The Lost Wife

ISBN: 978972263402

Edição ou reimpressão: 04-2013

Editor: Livraria Civilização Editora

Páginas: 320

Género: Romance

Compre:

Wook

Bertrand

Goodreads: 4,22✯ (aqui)

Sinopse

Nos últimos tempos de tranquilidade na Praga do pré-guerra, Lenka, uma jovem estudante de arte, apaixona-se por Josef. Casam-se, mas, pouco tempo depois, como tantos outros, são separados pela guerra.

Na América, Josef torna-se um obstetra bem-sucedido e constrói uma família, apesar de nunca esquecer a mulher que acredita ter morrido nos campos de concentração. Mas no gueto nazi de Terezín – e mais tarde em Auschwitz – Lenka sobreviveu, graças aos seus dotes artísticos e à memória de um marido que julgava nunca voltar a ver.

Agora, passadas décadas, um encontro inesperado em Nova Iorque reúne Lenka e Josef de novo.

Do conforto da vida em Praga antes da ocupação aos horrores da Europa Nazi, Um Amor Perdido explora a resistência do primeiro amor e do espírito humano e a capacidade de recordar.

A Minha Opinião

Confesso que não sou grande adepta de livros sobre o holocausto, não consigo perceber, mas este ano até é o segundo que eu leio sobre o tema, mas completamente diferente do outro. Foi-me gentilmente emprestado pela Carla Sousa, e acho que se não fosse assim nunca o leria, porque primeiro nem sabia da sua existência. 

Este livro inicia-se em Praga muito antes da Segunda Guerra Mundial, conhecemos Lenka, uma criança judia que vive no conforto do seu lar e que tem muito jeito para o desenho, e vamos acompanhando o seu crescimento até ela ser uma jovem adulta que segue a para uma escola de desenho onde se acaba por apaixonar pelo irmão da sua melhor amiga, Josef. Contudo estala a 2ª Guerra Mundial e eles acabam por se afastar, e muito vivem durante esse tempo, voltando a encontra-se muitos anos depois. 

Acreditem que não estou a dar spoiler ao dizer que eles se encontram ao fim de muitos anos, afinal está escrito na sinopse, e o livro começa por aí mesmo, regressando depois ao passado para contar toda a história até ao reencontro. De um lado temos a versão de Lenka e de tudo pelo que passou desde Terezín a Auschwitz, e por outro lado a vida de Josef durante todo o tempo que estiveram afastados. 

É sem dúvida uma bonita história de amor, contudo pautada por uma guerra destruidora. Por isso disse no inicio que era completamente diferente, porque não retrata apenas o sofrimento destas pessoas, e uma realidade horrível, mas também o amor entre dois jovens. 

É ficção, mas baseada em factos verídicos, tanto no que diz respeito à vida em Terezín a Auschwitz, como na própria história de amor, que a autora nos agradecimentos conta ter sido inspirada numa história que ouviu enquanto estava no cabeleireiro.

É um livro que recomendo para quem gosta de ler sobre este tema, mas também para quem, como eu, tem alguma resistência a estes livros mais fortes, mas que gosta de uma boa história de amor.

Classificação


Edições pelo Mundo Fora


P.S: Este post contém links de afiliados. Para saber mais sobre clique aqui.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial