Desde da semana passada que me propus todas as semanas trazer, ou pelo menos tentar, um conteúdo mais informativo. Gostei da última experiência e por isso pensei porque não tentar acrescentar algo, apesar do foco do blogue continuar a ser o entretenimento.

O tema de hoje é algo que eu abordei no último post, que é a publicidade no instagram. Hoje em dia com os influencers é cada vez mais normal encontrarmos este tipo de conteúdo, e no bookstagram não é diferente. Era algo que até há pouco tempo eu não ligava nenhuma, mas que depois de ter adquirido e lido um ebook da Bárbara Bação, comecei a ter em conta, e a reparar que a menção a publicidade que se fizesse no Bookstagram, pelo menos da maneira correta.

Eu não sou jurista, sou apenas autodidata e no ebook que vos falei acima fui direcionada para um guia da Direção Geral do Consumidor intitulado de Guia informativo sobre regras e boas práticas na comunicação comercial no meio digital que é gratuito e podem descarregar em PDF. Eu li e venho aqui dar algumas dicas do que fazer e não fazer quando se faz publicidade na internet.

“A publicidade é disciplinada por lei, sendo proibidas todas as formas de publicidade oculta, indireta ou dolosa”

Artigo 60º da Constituição da República Portuguesa.

É assim que começa o Guia, e acho que é a melhor forma de iniciar aqui também. A verdade é que no bookstagram se aplica a publicidade oculta, ou seja, na minha interpretação não é identificado claramente que se trata de conteúdo patrocinada.

Mas eu não recebo dinheiro!

Pois, mas recebem bens físicos, como livros, e isso é visto como um pagamento em géneros, pelo que está sujeito às regras da publicidade.

“A publicação é considerada comunicação comercial quando: A publicação inclui oferta de produtos com ou sem quaisquer condições, como sejam presentes, brindes, amostras (…) mesmo que não exista uma compensação financeira

Como identificar que é publicidade?

Pode ser através de hashtags, como #PUB/PUB, ou #Patrocínio/Patrocínio, ou #Parceria/Parceira, ou ainda #Oferta/Oferta, ou dizer “Esta publicação é patrocinada” ou “Publicação patrocinada”, conforme for o caso. O guia que referi explica as características de cada um dos tipos mencionados, e o que os distingue, contudo há algumas situações podem gerar dúvidas. Esta menção tem que ser no início da publicação, e não no fim, como é costume, e eu, inclusive, fazia, onde agradecia à editora pela oferta. Essa identificação tem que ser no início para garantir que o consumidor percebe de imediato que está perante um conteúdo que é comercial.

Além disso devem garantir que as declarações que fazem são baseadas em experiências reais, acho que neste caso não se aplica muito ao bookstagram. Eu vejo isso mais para produtos de beleza que podem criar relações alérgicas, produtos eletrónicos que podem não ter as funcionalidades que nos tentam vender, mas de qualquer forma, é sempre bom seremos verdadeiros.

E se me pedirem para não dizer que é publicidade?

As editoras acho que não fazem isso, até pedem para identificar e tudo, mas pode acontecer com autores, porque não querem que se saiba que estão a dar livros. Sinceramente está do vosso lado aceitar ou não sabendo que estarão a quebrar a lei e que podem ter consequências com isso, como multas.

É um assunto que irei abordar nas próximas semanas, mas a verdade é que vocês não têm nada a ver com o facto do autor não querer trabalhar com outros criadores de conteúdo e por isso não querer que vocês mencionem que se trata de uma oferta, isso é um problema dele. Criar problemas para vocês ao tentar minimizar os dos outros, principalmente coisas como estas, não vale a pena.

Se me quiserem pagar em dinheiro tenho de pagar impostos?

Sim. Qualquer empresa que se preze não vos dá dinheiro sem que lhes passem uma fatura ou recibo verde. Vocês isto não é marketing é contabilidade. E como qualquer outro rendimento têm de o declarar, e a falha nesta questão também é punível por lei.

Em suma, sejam transparentes. Se estão a publicitar um livro que vos foi dado, sejam claros quanto a isso, logo no início da publicação.

Gostam de saber se estão perante publicidade, seja no Bookstagram ou no instagram em geral?

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial