Eu vi estes dois filmes com bastante tempo entre eles. Primeiro foi o Ressaca de Saltos altos, que numa bela tarde de sábado em tempos de confinamento, passou na SIC.

Já tinha ouvido falar com sobre este filme, e tinha a ideia de que era engraçado. Enganei-me, ou o meu sentido de humor desapareceu, o que também é possível. Basicamente o filme conta a história de uma pivô da televisão que vai sair à noite, antes de um evento importante (empurrada pelas amigas) e que acaba bêbada em casa de um homem. No dia seguinte sai de fininho de casa dele e esquece-se do telemóvel, o carro foi rebocado e ela está com um vestido escandaloso e enquanto tenta chegar ao local onde está o carro é confundida com uma prostituta.

Primeiro, a forma como a policia age, mostra bem o estado do mundo. Por ela ter aspeto de prostituta (seja lá o que isso for), eles não a ouvem, não a ajudam e ainda ameaçam prender… enfim… ela mete-se em muitas alhadas, não tem dinheiro. E na realidade não tem muita piada. Ficou bem aquém das expectativas, foi um enrolar durante o tempo todo, e sinceramente foi uma perda de tempo.

O segundo filme é também com a temática feminina, desta vez uma despedida de solteira, intitulado A Melhor Despedida de Solteira, e o título já é um engano. Vi este filme para o meu projeto de ver filmes que foram lançados em 2011, e este até tinha alguns prémios, contudo eu tinha ouvido falarem mal dele… mas eu tinha o DVD (por ver), e juntou-se o útil ao agradável.

Este filme inicia-se com Annie a ouvir da sua melhor amiga, Lilian, que esta vai casar. Annie a madrinha fica encarregue de organizar a despedida de solteira, só que as restantes damas de honor são muito diferentes de Annie, principalmente Helen, uma amiga de Lilian, rica e conhecida pelas suas festas. Só que tudo acaba numa desgraça…

Primeiro, o nome em inglês faz muito mais sentido Bridesmaids, ou seja, as damas de honor, porque a despedida de solteira dura muito pouco tempo no filme. Segundo, supostamente é um filme de comédia, considerado a Ressaca feminina, só que, apesar de nunca ter visto esta série de filmes, tenho a ideia de que são engraçados, aqui não. Tem algumas cenas mais engraçadas, mas é carregado de drama e inveja, além das histerias e falta de dinheiro.

A minha classificação para ambos é de

Rating: 2 out of 5.

Informações Sobre os Filmes

Título Original: Walk of Shame
De: 
Steven Brill
Com: 
Elizabeth Banks, James Marsden, Ethan Suplee, Sarah Wright
Género: 
Comédia
País: 
Estados Unidos da América
Duração: 
95 minutos
Ano: 
2014
IMDB: 
6,0/10 ✮

Sinopse

Jornalista de profissão, Meghan Miles sempre sonhou ser pivô numa estação televisiva de renome. Depois do seu péssimo desempenho numa entrevista em que tinha depositado as maiores esperanças, deixa-se arrastar pelas amigas para uma noite de copos e embriaga-se até perder os sentidos. Na manhã seguinte, depois de acordar na cama de um desconhecido, apercebe-se de que, apara além de uma ressaca, tem várias mensagens no telemóvel a dizer que, contra todas as probabilidades, tem mais uma oportunidade de mostrar o que vale. A poucas horas de ser reavaliada, a rapariga encontra-se sozinha do outro lado da cidade de Los Angeles, sem carro, carteira, identificação ou dinheiro que lhe possa valer. Porém, determinada a superar todas as adversidades que a possam impedir de concretizar o maior sonho da sua vida, Meghan vai provar a si mesma – e a todos com quem se cruza – até onde vai a sua coragem e resiliência.

Trailer

Título Original: Bridesmaids
De: 
Paul Feig
Com: 
Kristen Wiig, Maya Rudolph, Rose Byrne
Género: 
Comédia
País: 
Estados Unidos da América
Duração: 
125 minutos
Ano: 
2011
IMDB: 
6,8/10 ✮

Sinopse

Annie (Kristen Wiig), quase a entrar nos quarenta, está num péssimo momento da sua vida: perdeu o namorado, a esperança num futuro feliz e acaba de descobrir que Lilian (Maya Rudolph), a sua melhor amiga, vai casar em breve. Decidida a esquecer os seus desastres pessoais, foca toda a sua energia em ajudar a amiga nos preparativos para o grande dia. Porém, quando Annie se depara com as intermináveis tarefas que tem pela frente assim como o estranhíssimo grupo de damas de honor que lhe calhou como parceiras de organização (Rose Byrne, Melissa McCarthy, Wendi McLendon-Covey e Ellie Kemper), quase perde a esperança de que algo de bom possa dali advir. Porém, a vida tem as suas surpresas e os dias a preparar o casamento, assim como as mulheres que a acompanham, apesar de bizarros e muito complicados, deixarão marcas para sempre.

Trailer

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial