Houve tempos em que eu lia muito, lembro-me que no primeiro ano de mestrado li 20 livros no mês de abril, e tive exames, que por acaso foram feitos com sucesso, ou seja, é possível ler muito e fazer outras coisas. Todavia hoje em dia é muito mais complicado fazer um feito destes, e acredito que cada vez mais o seja, mas é por isso que vos trago o post de hoje, dicas para ler muito, mesmo que com pouco tempo.

  • Ler nos transportes

Podia terminar aqui porque esta foi a minha fórmula há dois anos atrás e continua a ser a de hoje.

Para o trabalho vou de comboio, cerca de meia hora de manhã e cerca de uma de tarde, se contabilizarmos o tempo de espera. Contudo é o único transporte em que não enjoo a ler ou a mexer no telemóvel. De carro ou autocarro é impossível e dava-me bastante jeito para viagens de trabalho que são de 2 horas de carro.

É aproveitar tempo morto, atualmente leio quase que essencialmente nas viagens de trabalho-casa. Sendo que quando tenho viagens de trabalho e não vou para o escritório as minhas leituras ressentem-se logo. Se por norma os transportes públicos estão na vossa vida aproveitem.

  • Andar sempre com um livro

Durante anos li no telemóvel, e lembro-me de ir com os meus pais visitar a minha avó ao hospital e ter lido metade do After (felizmente ela voltou para casa e nunca mais peguei naquele livro!).

Nunca se sabe onde se vai estar sem fazer nada, com tempo livre, por isso nada como um livrinho de bolso na mala, um ebook no telemóvel, ou se tiverem um ereader e a qualquer momento podem ler.

  • Leituras conjuntas

Comecei a fazer algumas com regularidade nos últimos tempos. Tempos de trabalho intensos (não me perguntem o que são fins de semana ou feriados, que isso apenas são miragens), e pensei que se tivesse metas conseguiria ler mais, e a verdade é que conseguir.

Neste momento estou com quatro leituras conjuntas, sendo que uma está meia parada, em simultâneo. Metas semanais, e tirando um caso específico, é de segunda a domingo. Ou seja, eu no início da semana leio as metas, e nos restantes dias leio outros livros.

  • Metas pessoais

O goodreads tem uma meta anual de livros. Pode ajudar querermos alcançá-la, todavia isso também causa pressão, e ler é para desfrutar.

O que vos falo é de marcarem o livro, por exemplo de x em x páginas, ou capítulos, e forma a verem como se estão a aproximar do fim do livro (nos ebooks não funciona).

Outra ideia é pegarem na ideia das ideias conjuntas e colocarem metas. Ler 30 páginas por dia, ou ler 30 minutos por dia, de forma a criarem um hábito.

No geral é aproveitarem todo o tempo que tiverem para ler, sem descurar outras atividades sociais, porque sim é preciso conviver para sermos saudáveis e os livros não nos devem impedir disso.

Estas são apenas algumas dicas de como ler mais, que pelo menos a mim me têm ajudado ao longo do tempo, a fazer face aos compromissos de leitura em que me vou metendo.

Agora vem aí a praia, e o sol, pelo menos assim esperemos, e, eu que acho aborrecida a praia pretendo ler bastante!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial