Este é o segundo livro que leio da Jennifer Niven, o primeiro já se encontra em filme e na minha perspetiva muito mais dramático que este “Sem Fôlego”, que é mais jovem. Este livro aborda a perspetiva de uma adolescente que vê os pais separarem-se e que vai para o fim do mundo onde não há internet, além disso aborda também o sexo na adolescência.

Claudine é uma adolescente típica, com uma popularidade média, vive entre o acabar o secundário e ir para a faculdade e a sua vida social, com as amigas e com a vontade de ter sexo pela primeira vez. Até que uma bomba lhe muda a vida de pernas para o ar, os pais informam que se vão separar, mas não pode contar a ninguém, além disso vai com a mãe nas férias para uma ilha isolada e sem internet, o que tem tudo para correr mal. Até ela conhecer um rapaz.

Eu li este livro numa tarde de praia, tinha ouvido tão boas opiniões sobre ele que foi uma leitura de “enfiada”.

É um YA divertido e que aborda temas importantes. A primeira vez de uma rapariga, de como é importante para ela. A Claudine vive muito nesta ideia de perder a virgindade e todo o tema é bastante abordado no livro de uma forma aberta e muito bem tratada.

Além disso temos o divórcio. A forma como os pais dela têm o cuidado de não dizer mal do outro é bastante importante, mas também acompanhamos a raiva da Claudine ao longo de todo o livro e principalmente a mágoa de ter de sair de casa, de ir para longe dos amigos por causa do que está a acontecer.

O local para onde vai, uma ilha no estado da Geórgia, remota o suficiente para só haver internet num único local da ilha. Este sítio vive do turismo e tem muitos jovens que vão para lá trabalhar no verão e a Claudine acaba por criar amizade com eles. Mas com um é ódio à primeira vista, Jeremiah é de longe o mais atraente, mas Claudine só vê arrogância.

Eles fazem um casal muito giro e apesar de ele ser mais velho, a verdade é que se dão bem e têm o equilíbrio que ela precisa. Mas há todo um passado dele que o assombra e aí está o desafio, e também a minha desilusão. Senti que não percebi o final, que ficou aberto e eu gosto de histórias encerradas.

Contudo não deixa de ser um livro intenso, que nos deixa Sem Sem Fôlego”, mas que ao mesmo tempo a Jennifer Niven trouxe-nos temas tão importantes como em Fala-me de um Dia Perfeito, mas de uma forma muito leve e divertida que nos agarra até às últimas páginas.

Classificação

Rating: 4.5 out of 5.

Leitura Com Apoio

Sobre o Livro

Sem Fôlego da Jennifer Niven

Sem Fôlego da Jennifer Niven
ISBN: 9789897843020
Edição: 07-2021
Editor: Nuvem de Tinta
Páginas: 400
Género: Young and Adult, Romance
Onde Comprar
Wook
Bertrand
Goodreads: 3,88✯ (aqui)

Sinopse

Claudine Henry é uma jovem determinada a escrever a sua própria história. Prestes a acabar o liceu, concentra-se em quatro coisas principais: sexo, começar a faculdade, tornar-se uma escritora famosa e … sexo.

Quando os pais anunciam que se vão separar, o seu mundo começa a desmoronar-se. A épica viagem que tinha planeado com a melhor amiga foi cancelada, e, de repente, Claude viu-se presa numa ilha remota na costa da Geórgia com a sua mãe – uma ilha sem WiFi, sem rede de telemóvel e sem amigos.

Até que conhece Jeremiah, um rapaz misterioso, atraente e de espírito livre. A química entre os dois é absolutamente irresistível. Quando Claude decide que ele deveria ser o primeiro, diz a si mesma que é apenas sexo. Ambos sabem que o que têm não pode durar para sempre, mas talvez possa ser o suficiente.

Uma abordagem franca, de leitura compulsiva, sobre sexo e amor, dramas familiares e desgostos, e sobretudo sobre o caminho de autodescoberta na transição para a vida adulta.

P.S: Este post contém links de afiliados. Para saber mais sobre clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial